Feeds:
Posts
Comentários

Archive for junho \22\UTC 2010

"Apostando numa pegada mais rocker, banda lançará novo disco no Dia Mundial do Rock (13 de julho); produção, mais uma vez, ficou a cargo de RicK Bonadio"



Sob o título de Revanche, será lançado dia 13 de julho, (Dia Mundial do Rock) o novo trabalho do Fresno, confirmando a máxima de que os rapazes se reinventam a cada disco lançado. Com total influência de stoner rock, as canções apresentam riffs agressivos e uma linha de bateria diferenciada, a cargo do “novo” batera Bell Ruschell. Ele ingressou na banda em 2008, na turnê de divulgação do álbum Redenção. O vocalista Lucas Silveira, conversou com exclusividade com o jornalista Gustavo Godinho e abriu o jogo sobre o que está por vir e o porque das mudanças sonoras. (Entrevista originalmente publicada no SUCESSO e-mailing)

(mais…)

Anúncios

Read Full Post »

Eu não sei vocês, mas de tempos em tempos eu tenho esse lance de ficar mais introspectivo. Não é depressão ou nada semelhante. É só que entro numas de querer observar mais do que falar. Claro que também não pago de louco e me isolo por completo, como o protagonista do “Na Natureza Selvagem” – se bem que não seria má ideia.

Nesses meus períodos, costumo ser o cara sozinho no canto do balcão, tomando uma cerveja e ouvindo um blues no iPod. E a galera em volta olha com dó da cena. Devem pensar e imaginar mil coisas, do tipo: “esse cara é um alcoólatra”, “tem jeito de psicopata”, “um possível suicida em potencial” ou sei lá, talvez me olhem com dó, por eu “não ter ninguém” pra dividir os tragos.

Pura bobagem. Se vocês querem mesmo saber, nesses momentos em que ando sozinho, me sinto um cara muito feliz. É bom refletir sobre o que eu tenho feito, as decisões que tenho tomado e o porque que determinada coisa aconteceu.

São nesses momentos em que eu observo com atenção as pessoas. Olho discretamente todas as mesas e as pessoas que estão nelas. Para cada tipão sentado, “invento” uma história, que pode ou não ser a verdade absoluta da pessoa em questão. (mais…)

Read Full Post »

Ela estava realmente apaixonada. Recorda com carinho daquela época em que viveu o seu grande amor. Conheceu o carinha por acaso, em um bar paulistano. Ele estava bêbado e ela estava com sono. Se esbarraram e ele pediu desculpas. Ela se irritou. Estava realmente com sono e queria ir embora. Ela tinha achado a banda chata e iria trabalhar no dia seguinte. Só tinha ido ao bar por insistência de uma amiga, que estava tendo um caso com o guitarrista.

Read Full Post »